Leia A Transcrição Da Entrevista De Gastão Vieira à Fol

18 May 2019 03:21
Tags

Back to list of posts

<h1>Estima Pra Homem Feio Parelhar Namorada</h1>

<p>Gast&atilde;o Vieira, ministro do Turismo, participou do Poder e Pol&iacute;tica, programa da Folha e do UOL conduzido pelo jornalista Fernando Rodrigues. A grava&ccedil;&atilde;o aconteceu em 27.fev.2014 no est&uacute;dio do Grupo Folha em Bras&iacute;lia. Narra&ccedil;&atilde;o de abertura: Gast&atilde;o Dias Vieira tem 67 anos. Advogado formado pela Universidade Federal do Maranh&atilde;o, &eacute; funcion&aacute;rio de carreira do Conselho Nacional de Desenvolvimento Cient&iacute;fico e Tecnol&oacute;gico, o CNPQ. Gast&atilde;o Vieira filiou-se ao PMDB em 1985, quando teu conterr&acirc;neo Jos&eacute; Sarney era presidente da Rep&uacute;blica. Foi secret&aacute;rio-executivo do Projeto Caraj&aacute;s, que montou a explora&ccedil;&atilde;o de min&eacute;rios ante o comando da Vale do Rio Doce.</p>

<p>Em 1986, Gast&atilde;o Vieira elegeu-se deputado estadual do Maranh&atilde;o, cargo pro qual foi reeleito. Logo depois, veio pra Bras&iacute;lia como deputado federal. Est&aacute; licenciado do seu quinto mandato consecutivo. Gast&atilde;o Vieira foi secret&aacute;rio de Planejamento e de Educa&ccedil;&atilde;o do Maranh&atilde;o, nas gest&otilde;es de Edison Lob&atilde;o e Roseana Sarney, todos do PMDB. Em 2011, a presidente Dilma Rousseff o nomeou Ministro do Turismo. Gast&atilde;o Vieira substituiu o bem como maranhense Pedro Novais, do PMDB, que havia renunciado depois de suspeitas de desvios de verbas pela pasta.</p>

<p>Folha/UOL: Ol&aacute; internauta. Bem-vindo a mais um Poder e Pol&iacute;tica Entrevista. 'Eles S&oacute; Querem Saber De Tomar O mundo inteiro Que N&atilde;o Conseguiram No Colegial' programa &eacute; uma promo&ccedil;&atilde;o do jornal Folha de S.Paulo e do portal UOL. A grava&ccedil;&atilde;o &eacute; realizada no est&uacute;dio do Grupo Folha, em Bras&iacute;lia. O entrevistado desta edi&ccedil;&atilde;o do Poder e Pol&iacute;tica &eacute; o ministro do Turismo, Gast&atilde;o Vieira.</p>

<p>Folha/UOL: Ministro, grato por apresentar-se aqui. In&iacute;cio perguntando: O mundo inteiro compartilhando dos alt&iacute;ssimos pre&ccedil;os que ser&atilde;o cobrados, no Brasil, em hot&eacute;is, passagens &aacute;reas internas durante esse per&iacute;odo imediatamente de grandes eventos, esse mais pr&oacute;ximo da Copa da Universo. O governo deve fazer algo, pode, ou tem que fazer alguma coisa sobre isto disso? Gast&atilde;o Vieira: Olha, n&oacute;s sempre tivemos uma posi&ccedil;&atilde;o de que n&oacute;s estamos em um regime de mercado, de mercado altamente competitivo, e que essa d&uacute;vida de valor est&aacute; muito ligada ao acr&eacute;scimo da oferta.</p>

<p>500, cada perna, para sedes dos jogos que n&atilde;o s&atilde;o Rio, S&atilde;o Paulo, aquelas mais demandadas pelo turista, enfim, n&oacute;s prontamente notamos que h&aacute; uma redu&ccedil;&atilde;o nessa brutalidade com que os pre&ccedil;os estavam aumentando. Prontamente isso a&iacute; cabe ao governo tentar, por alguma capacidade, impedir que ocorra ou &eacute; o mercado que deve solucionar? E n&oacute;s tivemos pela Copa das Confedera&ccedil;&otilde;es alguns abusos inaceit&aacute;veis pro governo.</p>
<ul>
<li>2 &quot;Surge Valdinho&quot; 03 de Outubro de 2017 502</li>
<li>&quot;Hedionda (PT)</li>
<li>Amarra&ccedil;&atilde;o Amaorosa para levar de volta seu marido rastejando</li>
<li>um Marcius Melhem Pedr&atilde;o trinta e sete</li>
</ul>

<p>9.000. Trata-se de um abuso. Em que p&eacute; est&aacute; a constru&ccedil;&atilde;o dos Centros de Atendimento ao Turista nas cidades-sedes da Copa do Universo? Admira&ccedil;&atilde;o Para Arrumar Um Companheiro est&atilde;o muito atrasados. &Eacute; uma s&eacute;rie de fatores, Fernando. De um lado s&atilde;o obras de valor an&atilde;o. Fa&ccedil;a treze Simpatias Para Santo Ant&ocirc;nio , desculpe. As prefeituras e os Estados ir&atilde;o a toda a hora colocando estas d&uacute;vidas pra uma segunda prioridade. Depois n&oacute;s tivemos transforma&ccedil;&otilde;es das administra&ccedil;&otilde;es municipais. Trocaram as equipes dos prefeitos em quase todas as cidades que est&atilde;o servindo de cidade-sede.</p>

<p>E depois n&atilde;o tem projeto. Voc&ecirc; v&ecirc;, sinaliza&ccedil;&atilde;o tur&iacute;stica, que &eacute; outra coisa que o minist&eacute;rio est&aacute; preocupad&iacute;ssimo, que &eacute; a maior busca dos turistas. O que eles mais reclamam no Brasil &eacute; que eles n&atilde;o t&ecirc;m indica&ccedil;&atilde;o. Nem nos aeroportos, nem ao menos nas esta&ccedil;&otilde;es de metr&ocirc;, nem sequer nas paradas de &ocirc;nibus, ele n&atilde;o entende aonde o &ocirc;nibus vai, por onde ele circula. Quando tem n&atilde;o &eacute; padronizado, cada cidade &eacute; de um jeito?</p>

<p>Isto. Tecnologicamente isto &eacute; uma obra claro. Assim ningu&eacute;m tinha projetos e na hora que coloca no papel acha que n&atilde;o &eacute; t&atilde;o acess&iacute;vel deste modo, tem uma complexidade. E a&iacute; come&ccedil;a a atrasar, come&ccedil;a a atrasar, enfim. Das cidades-sedes tem alguma que vai terminar nem tendo o Centro de Atendimento ao Turista, n&atilde;o vai unificar a sua sinaliza&ccedil;&atilde;o? O Centro de Atendimento ao Turista eu acredito que todas ter&atilde;o porque voc&ecirc; podes ter um centro m&oacute;vel.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License